sábado, 27 de agosto de 2011

Cenas Urbanas


Cansado com o bater de pernas no shopping center, o velho roceiro sentou-se na escada rolante para descansar.

Esperou toda a manhã e mais uma parte da tarde até entender que Sete Portas era o bairro e não a quantidade de portas no ônibus.

Descobriu que atravessar a rua seguindo o guarda era mais seguro. Um dia o guarda atrasou e ele seguiu uma loira de farmácia que balançava os quadris. Do outro lado da rua ela o arrastou pelo braço e falou firme:

– Escuta aqui, ô meu: comigo é cinquenta pratas, morou?!
– Ah! É? Então vou esperar o guarda que vou de graça.

Engana-se quem pensa que o bairro do Pau Miúdo, em Salvador, tem origem nipônica.

Passou quinze dias na cidade grande e ao voltar pra roça estranhou a movimentação dos animais no terreiro:

– Manhê, que bicho é esse?!
– Ô, minha filha, vai dizer que não sabe mais o que é uma galinha?
– Nossa, mãe! Como as galinhas daqui são diferentes!


Nenhum comentário: